3 TÉCNICAS PARA DESENVOLVER A MEDIUNIDADE OU PODERES PSÍQUICOS

A mediunidade é um assunto amplamente abordado no mundo, de diversas maneiras, por varias óticas e por muitos nomes.

https://www.facebook.com/CANALVERDADEESPIRITA/

Você pode ter a sua linha espiritual de preferência, pode estudar e aplicar a sua mediunidade por meio desse caminho específico que você escolheu, todavia, se você quiser realmente ampliar os seus horizontes e entender o tema, precisará se utilizar da visão universalista.

É por isso que esse sentido tem sido tão estudado ao longo dos anos, pois o seu bom desenvolvimento possibilita ao ser humano a capacidade de compreender cada vez mais a grandeza do universo, a missão da sua alma, a força poderosa do amor e profundidade da intenção dos pensamentos e sentimentos.

Graças a mediunidade as mentiras são desmascaradas.

A mediunidade é o caminho pelo qual a mensagem do Grande Espírito Criador chega

mediunidade é a ferramenta que faz com que o homem preso ao mundo material ( por conta de seu karma) mantenha-se com a sintonia na Fonte a qual foi gerado.

DESENVOLVER A MEDIUNIDADE pode ser uma ferramenta

Simplesmente porque a mediunidade, ao mesmo tempo em que pode ser uma ferramenta maravilhosa de construção na mão de pessoas de moral lapidada com princípios e valores elevados, pode ser uma arma muito destrutiva na mão de pessoas mesquinhas, egocêntricas e excessivamente materialistas.

mediunidade é uma faculdade do espírito, portanto deve ser utilizada para melhoria do seu próprio espírito e dos demais.
Uma pessoa só aprenderá a se conhecer e conhecer seus potenciais quando ela souber desenvolver e ter domínio da sua mediunidade.

Entenda que o desenvolvimento da sua mediunidade é a habilitação de um sentido extra, que por consequência ampliará muito as suas possibilidades e potencialidades.

Em qualquer situação da sua vida, você poderá reconhecer de forma mais apurada e mais rápida:

Com uma mediunidade bem desenvolvida, você poder ajudar a si próprio e aos demais.

Conflitos com a mediunidade

Existem vários tipos de mediunidade, que assim como as diferentes personalidades humanas, se encaixam perfeitamente de acordo com o temperamento e as necessidades de evolução de cada pessoa.

Quando alguém começa a despertar seus potenciais mediúnicos dos tipos menos comuns (de manifestações mais raras), pode a princípio sofrer com as necessidades de mudanças de comportamentos que o fenômeno exige, contudo, nada está fora do lugar e tudo faz parte do seu próprio plano de evolução na encarnação.

Em verdade, podemos concluir que a mediunidade, vez por outra, costuma dar trabalho ao médium, todavia, ao longo dos anos, ele próprio percebe que as dificuldades que teve foram unicamente causadas por sua visão estreita da vida e principalmente pela dificuldade de se dedicar a um caminho de reforma íntima e evolução do espírito, esmo em um mundo profundamente seduzido pelas ilusões do materialismo.

O planejamento evolutivo acordado no período pré-reencarnatório,

considerando que muitas vezes a mediunidade é ativada em maior

grau para produzir específicas atividades ou em menor grau como

ferramenta para coibir possíveis equívocos que o seu uso inadequado pode causar.

Quanto mais se exercita a mediunidade, mais a pessoa poderá se utilizar

dos benefícios e possibilidades dos sentidos extrafísicos, contudo,

o alicerce do bom desenvolvimento mediúnico é o desenvolvimento do caráter.

Animismo e a mediunidade

O termo “animismo” aparenta ter sido desenvolvido inicialmente pelo

cientista alemão Georg Ernst Stahl, por volta de 1720, para se referir

ao “conceito de que a vida animal é produzida por uma alma imaterial”.

Jána vi são espírita, o termo animismo é usado para designar um tipo de

fenômeno produzido pelo próprio espírito encarnado, sem que este seja

um instrumento mediúnico da ação espiritual e sim o próprio causador

do fato, da percepção, da mensagem ou do dito fenômeno.

questão é polêmica, mas é verdadeira e relevante, exatamente por isso que antes

de desenvolver a mediunidade, o indivíduo deve desenvolver os aspectos citados

anteriormente, porque só assim ele aprenderá a não intoxicar com percepções

pessoais, o conteúdo das mensagens, canalizações ou manifestações.

CLARIVIDÊNCIA E PODERES PSÍQUICOS EM 3 PASSOS

 

Facebook Comments