O fim só existe para quem não percebe o recomeço

Não crie tempestades em sua vida, aprenda a abrir o tempo, deixá-lo leve e iluminado.  

Se algo te machuca olha o outro lado, o lado bom, o positivo.  

Quem não percebe o recomeço ve o fim

 

Medite em coisas boas… Uma borboleta até sair do casulo não enxerga a luz.  

Quando você contribui com você por apaziguar o que sente o universo conspira a favor e tudo vai se organizando, tudo vai se encontrando .  

Saia do casulo, tem um mundo lindo te esperando.  

As vezes é necessário cair , sentir tudo revirado.  

As vezes é necessário sentir fome pra dar valor ao alimento.  

As vezes é necessário sentir sede, pra dar valor a água.  

Escute o som da brisa leve te trazendo um lindo horizonte.

Veja:

 

Recomeço DOUTRINA ESPÍRITA COM COMEÇO, MEIO E SEM FIM 

Amados e estimados espíritas, e amigos espiritualistas, temos visto um crescimento na busca pela leitura de nosso blog, e

agradecemos, sem os senhores e a senhoras não estaríamos neste crescimento, no momento que esta matéria for publicada, estaremos perto dos 68.000 (sim são sessenta e oito mil pessoas )nos lendo.  

Mantive esta semana que passou contato com os amigos de Sidney na Austrália onde somos lidos, por alguns

agrupamentos espíritas de Brasileiros, e com um grupo de Moscou na Rússia, onde também 14 Brasileiros, fizeram uma

casa de preces, um centro espírita, maravilhoso, abraços fraternos., e muito obrigado pelo apoio.  

Recomeço É importante lembrar 

Preferiu por motivos que ele mesmo qualificou como maior pureza e entrega médiuns mais jovens, algo mais raro nos dias

de hoje, muito embora a média de idade no meio da codificação tenha sido de pessoas com 30 á 40 anos, ele se utilizou

de médiuns de 14,15,16 anos e alguns acima de 50 anos, Kardec sempre preferiu os dons de pessoas que se envolviam

com a causa sem muita pergunta fazer, diria que até com o dom de maior pureza.  

Normalmente falamos que determinado assunto tem começo, meio e fim, como a Doutrina Espírita é sem fim, um eterno

aprendizado, poucos conseguem compreender o que Rivail entendeu desde o início, ou seja, que ela é mais do que sem

fim, que a doutrina para sempre será indagada, até que os homens mudem de comportamento, nesta hora muda-se as

perguntas, e cria-se a situação da manutenção do já realiado, ou seja, o chamado momento de contemplação da vida ideal.  

Importante até esta fase todos saberem 

Importante até esta fase todos saberem,  que sempre teremos novas oportunidades, ou como no filme senhores do destino, portas dimensionais a serem abertas.  

Muitas delas durante o processo da Revista Espírita, um pouco antes de morrer preparava um ensaio com uma nova

edição da obra Livro dos Espíritos, esta porém  nunca chegou a ser escrita, porque somente ele entendia o roteiro que

levou a doutrina a esta codificação.  

Seu pessoal amigo, Camille Flamarion, no entanto abordou de forma diferente o que ele deixara anotado digo com outros

textos, na Obra final, que se chama Obras Póstumas, editado após a morte de Kardec, para que o todo não ficasse sem

base com a morte física e prematura do codificador.  

porque Kardec adotou esta formula, segundo ele mesmo diria mais tarde a Camille Flamarion e amigos da Maçonaria(

muito embora a doutrina não fale muito, Kardec era Maçon, assim como Camille Flamarion e Léon Denis) por um simples

motivo, ao perguntar ” quem “, estaria qualificando a curiosidade religiosa dos homens, sobretudo, estaria limitando ao dar

ao ser supremo, uma qualificação de personalidade humana.  

Recomeço Estava assim aberta o que os antigos delinearam 

Estava assim aberta o que os antigos delinearam chamar o “portal com a outra dimensão”, e sendo assim, a confiança para seguir na doutrina e no estudo.  

“Os homens no estado selvagem, ou de inferioridade moral tem igualmente seus espíritos protetores, e nesse caso esses

espíritos são de uma ordem tão elevada quanto de homens tão elevados?”  

Antes da resposta vamos qualificar a pergunta, veja que ele não tenta induzir o entrevistado, aqui no centro de sua obra

ou melhor do resumo de sua grande obra, vemos o professor, que havia iniciado com Deus, centro da vida, mostrando sua

preocupação com os mais revoltosos, não com cientistas, ou professores, padres, pastores, ou líderes politicos e religiosos.  

Estes  por si só dentro da sociedade estavam em destaque, logo seriam espíritos mais preparados, o que preocupou o

mestre, foi apontar aos cidadões errantes, leia-se homem ou mulher, as respostas.  

Então amigos, vejam 

Então amigos, vejam que no meio do livro que nos guia, os espíritos e Kardec a pedido deste deixavam claro que não

queriam que um ferreiro ou carpinteiro fosse capitão de uma nau complexa, ou mesmo um cientista, tão pouco queriam

que um pobre medingo fosse professor, ou um trabalhador braçal mestre de ensinamentos.  

Objetivo era o de informar de onde viemos, o que fazemos, melhorar a sociedade para  que cada um, do mais simples ao

mais elevado grau, fizessem sua parte, a partir da origem de todos na pergunta número 01(hum), quando fica claro que

somos filhos de todas as forças do que é Deus, um sub produto encarnado, para entender, aprender, ensinar, compartilhar, o bem supremo, ou seja, a VIDA.  

Jesus procurou mostrar a figura terna 

Jesus procurou mostrar a figura terna, clara e justa de Deus, dentro do que a cultura da época que ele foi encarnado

permitia, Jesus, também a não ser nos momentos que precisou articular, mostrou que a terra seria o fim da vida, não como

a vida que ele pregava, e sim como nós humanos entendiamos na época.  

Homem se preocupa demais com seu destino esquecendo de sua vida, já parou para pensar meu amigo, minha amiga,

como falamos do ontem, que hoje não é o destino que esperavamos, se isto ou aquilo, voltemos a reflexão maior desta

doutrina, que o ontem já passou não voltará, o amanha incerto ainda é, pois podemos partir a qualquer momento, e que o

centro de nossa vida é o hoje, exatamente por isto, nem Jesus, nem Kardec, nenhum dos missionários da vida, deram um

final a nossa história, porque somos os donos de nosso destino, sem fim.  

E os imortais respondem 

E os imortais respondem: ” O Bem reinará na terra, quando entre os espíritos que a vêm habitar os bons superarem os maus.  

Então os espíritos dos maus que a morte ceifa diariamente, e todos que tendem a deter a marcha das coisas

serão excluidos, porque estariam deslocados entre homens e mulheres de bem, cuja a felicidade pertubariam.  

Considerando dessa maneira o pecado original se refere à natureza ainda imperfeita do homem que só é responsavel por

si mesmo e por suas próprias faltas, e pela dos seus pais.  

Vós todos(continuam os imortais a Kardec), homens e mulheres de fé, e de boa vontade trabalhai portanto com zelo e

coragem na grande obra da renegeração, porque colhereis centuplicado o grão que tiverdes semeado.  

Bem estimados amigos, claro que os senhores e as senhoras já entenderam, que se no incio deixo claro que Kardec ainda

e por muitos anos, ainda tem que nos ensinar 158 anos depois, claro que novamente vou dizer aos senhores, que ele os

mostrou, o inicio verdadeiro, o meio, mas não abriu a porta para o fim, pelo simples motivo que a vida não tem fim, e sim transformações.  

Facebook Comments