MILITARES FALAM SOBRE REPTILIANOS E GREY´S

Esse artigo é para fomentar ideias de que muita verdade ainda precisa ser descoberta, e há evidências da enorme capacidade dos dinossauros de evoluir.

MILITARES FALAM SOBRE REPTILIANOS E GREY´S

Alguns cientistas acreditam na possibilidade de que os dinossauros evoluíram para uma forma de raça humanoide reptiliana possivelmente extraterrestre, podem estar vivendo entre nós nas terras intraterrenas ou em colônias no fundo do mar, ou mesmo serem nossos “amigos” Greys!

Desde o surgimento do homem na Terra, as imagens de extraterrenos que vemos são variadas e de raças diferentes, mas a predominância é de formas reptilianas ou de Greys, olhos amendoados e pretos, cabeça grande, estatura baixa, com braços longos e dedos longos. Outras raças em menor número tem forma hibrida/reptiliana de estatura elevada: os Anunnakis, Pleiadaianos e outros.

Se observarmos os estudos dos pesquisadores de ufologia a maioria das abduções foram feitas por extraterrenos Greys. Imagens de Greys aparecem em petróglifos por todo o planeta, perceba que os Greys sempre estiveram por aqui desde primórdios da evolução humana.

Uma pergunta me corroe por dentro: será que os Anunnakis são os Greys?

Soldier talks about Aliens!

Vídeo original em inglês:

Não, Anunnakis tinham de 3 a 4 metros de altura e de características benevolentes, enquanto os Greys eram de estatura baixa e maleficentes. Quando eu escrevo maleficentes é que eles não expressam emoções de uma forma humana e nem atitudes benevolentes. Não quer dizer que são maus ou destrutivos, se fosse assim a Terra já estaria destruída!

Existe uma mania entre as pessoas de acreditar que os alienígenas são maus e querem destruir a Terra e retirar as nossas riquezas naturais, mas essa é uma invenção do cinema americano para ganhar Ibope para seus filmes e assim arrancar dinheiro da população ignorante. Os Greys tem tecnologia suficiente para acabra como os EUA em alguns dias, bomba atômica, bomba de hidrogênio são brincadeira de crianças. Fora que os Greys utilizariam armas muito mais letais e mais limpas do que uma bomba nuclear, eles usariam armas com energias limpas, que não degredariam o ambiente!(rs…rs)

O homem é muito mais destruidor, essa invenção de que os extraterrenos invadiriam a Terra é completamente ridícula e faz parte de uma propaganda de guerra contra os extraterrestres benevolentes.Quem realmente destrói a Terra e está acabando com os recursos somos nós os humanos.

Na verdade os extraterrenos querem que nós descobrissemos a ligação com o nosso planeta Terra. Planetas iguais a Terra existem em grande quantidade pelo universo, não haveria necessidade de retirar esse planeta de nossas mãos. O que falta é consciência da verdade de que quem destrói a Terra é o ser humano. Os seres humanos sempre tiveram esse problema que estamos sendo invadidos por extraterrestres, mas a verdade é que o ser humano é uma criação extraterrestre e não adianta chorar, espernear você é um alienígena.
Os Greys não evoluem seguindo as leis de Deus eles seguem uma evolução baseada na absorção de energias e de genéticas já evoluídas. Qual a razão de retirar genes de nosso corpo?
Retiram genes humanos e criam novas espécies para colonizar outros planetas!
De acordo com as canalizações feitas por Barbara Marciniaki, os Pleiadianos descendem dos reptilianos que podem ser os Greys e também de uma descendência humana hibrida dos felinos e de seres crísticos sirianos (representados pelos golfinhos).
Os Pleiadianos chamam eles de Lizzys, que é o diminutivo de lagarto em inglês. Isso nos diz que eles teriam uma forma reptiliana como uma aparência normal (aparentemente se pareceriam muito mais com repteis do que com humanos). Os Anunnakis são descendentes dos Lizzys, e que adiquiriram uma forma bem mais humana, porque teriam os genes dos Felinos, outra raça que deu origem aos mamíferos na Terra. Os Felinos são raças criadoras dos mamíferos na Terra, porque o universo deles já se completou milhões de anos atrás.
Através de canalizações nós sabemos que os répteis tem um mito de criação que levam em todas as suas formas reptilianas como uma forma de memória espiritual. Eles vieram para exercer o lado negativo de seu ser. Os reptilianos vieram para executar a negatividade para que haja evolução, eles representam seu papel evolucionário que é serem os vilões. O mito de criação dos reptilianos é bem simples: foi dado a eles o direito de serem donos de todos os planetas no universo e que poderiam destruir ou colonizar qualquer planeta que quiserem.
Os pleiadianos dizem que os “Lizzys” tem uma característica genética de deuses criadores, muito mais do que os Anunnakis: são exímios engenheiros genéticos. Os Pleiadianos deram a dica: os Greys podem ser os Lizzys que são nossos antepassados genéticos e também dos Anunnakis.

Essa é a imagem do Trodonte se evoluísse para um bípede humanoide.

Se você estudar bem as extinções durante 500 milhões de anos na Terra, verá que as extinções sempre foram seletivas em favor das espécies que levariam até a evolução da humanidade. Parece até uma coincidência que os mamíferos foram escolhidos para dominarem a Terra em oposição aos répteis dinossauros que dominaram por 100 milhões de anos!
Mas se você conhece a evolução dos dinossauros saberá que eles tiveram muito mais tempo para evoluir para uma forma humanoide do que o homem, eles viveram mais que 100 milhões de anos o suficiente para criar uma raça muito mais evoluída que o ser humano e sem dúvida nenhuma, eu afirmo, que eles poderiam ter evoluído para a raça dos extraterrenos Greys ou extraterrenos reptilianos! Você deve achar uma piada, não é? Mas vou mostrar algumas evidências.

Somente répteis habitavam a superfície da Terra 450 milhões de anos atrás!

Os primeiros animais terrestres que existiram foram dois tipos de répteis: Synapsidas que deram origem aos mamíferos e os répteis de uma classe chamada Diapsida que deram origem aos dinossauros e aos répteis que nós conhecemos hoje. Todas as formas de vida na Terra são evoluções a partir dos répteis!! O homem não quer que seja assim então cria uma realidade para que aceitamos que somos só uma evolução dos macacos.
Os synapsidas evoluíram para animais quadrupedes que são os mamíferos, logicamente o ser humano é um ascendente direto dos répteis também. Veja na ilustração abaixo as diferenças entre os diversos tipos de répteis que deram origem a vida terrestre na Terra!

Somos todos ascendentes de uma linhagem de répteis! Veja que os crânios dos répteis que deram origem aos mamíferos quase não tem diferenças! Se você tem dúvidas que nós ascendemos da linhagem dos répteis esse é o esclarecimento. A ciência evita escrever sobre nossa ascendência reptiliana!

Alguns dinossauros eram bípedes de postura ereta.

Imaginando que os dinossauros começaram a evoluir para a forma bípede, isto é, andando com dois pés, semelhante aos humanos, podemos supor que se eles continuassem evoluindo poderiam se transformar em humanoides como nós, veja a interpretação de um artista sobre a evolução de um dinossauro em dinosauroide.

Estudei vários dinossauros bípedes menores e todos eles tinham os braços bem longos, diferentemente dos dinossauros gigantes como o T-rex e o Alossauro que tinham um braço menor. Veja as imagens abaixo um trodonte com seus braços longos e o T-rex com um braço bem pequeno em relação ao seu corpo, isso quer dizer que existiu duas evoluções entre os dinossauros, os gigantes com braços curtos e dos dinossauros com braços longos. Essa característica é importante porque um dinossauro com braços longos pode ser mais capacitado fisicamente do que um dinossauro gigante com braços curtos, isso é lógica. E também é importante para a preservação da espécie, pois com braços longos pode nadar, segurar-se em árvores, pegar presas com as mãos, usar os braços para se alimentar, etc.

A diferença é que o corpo de um Trodonte é menor e com a mesma estatura de um homem e o cérebro maior comparável ao dos humanoides. Outra característica que a paleontologia não consegue perceber é que o rabo era menor, não necessitando ficar na posição como está na imagem, com o tronco para frente, mas em uma posição de um hominídeo, com a coluna mais verticalizada ou ereta. Essa posição não é anatomicamente funcional, eu sou desenhista e estudei anatomia e sei que não é funcional para um bípede, vou demonstrar com evidências que essa ideias sugeridas pelos paleontologistas não são funcionais.
A paleontologia não entende que as pernas seguram o peso do corpo e não o rabo. A cabeça e o peito de um dinossauro T-rex são mais pesadas que o rabo, sendo assim a posição correta é ficarem com o peso sobre as pernas.Isso quer dizer que as pernas e a pélvis segura o peso total do corpo. Na visão de um paleontologo o peso ficaria no rabo, o que seria impossível sendo que o rabo é menos pesado do que o peito, cabeça e pescoço: é lógica e não um tipo de “achismo”, me desculpem a palavra! Para que os dinossauros usassem essa posição eles teriam que boiar na água, nesse caso o peito serviria de bóia, para flutuar na água, as pernas e o rabo eram usados para mover seus corpos em pequenos lagos, e essa é uma outra parte da história!

A posição correta é a posição da coluna verticalizada e não horizontalmente, se fosse assim eles cairiam para frente, não haveria apoio para sustentar o peso da cabeça, do pescoço e do peito. Qualquer animal que utiliza as pernas como os bípedes utilizam a verticalização da coluna para se posicionar em pé.
No caso de um avestruz, se você observar na fotografia, as pernas ficam exatamente no centro do corpo e não na posição de um dinossauro! Um avestruz não pode ser um ascendente direto de um dinossauro, porque a sustentação do corpo ou a pélvis fica no centro do peito. O segredo é que em um pássaro o fêmur fica na direção do peito e cria uma sustentação equilibrada no centro do corpo.
Na imagem abaixo você percebe que o equilíbrio do avestruz fica exatamente no centro do peito e no dinossauro bem para trás, essa característica é de um bípede com a coluna ereta!

Veja a diferença porque um avestruz não tem ascendência de um dinossauro, é só ver que a posição da pélvis do dinossauro que fica atrás com o rabo e o avestruz fica no meio do corpo!O archaeopterix é o melhor exemplo de evolução de um dinossauro para um pássaro.

Veja esse exemplo entre uma galinha e Archeopterix o melhor exemplo de dinossauro bípede, atente a coluna vertebral, no dinossauro ela segue em curvas sem quebrar na pélvis, na galinha ela quebra antes de chegar no peito. O que isso quer dizer: que o Archeopterix andava em posição ereta!!!

Outro problema é que o rabo de um dinossauro exercia muito mais peso na coluna do que os paleontólogos imaginam: um rabo tem um peso maior sobre a pélvis o resultado seria dores na coluna, para que não houvesse dores na coluna eles deixavam o rabo cair e assim liberando o peso na coluna e ocasionando uma coluna mais ereta. Bom. é muito fácil fazer um teste: a perna humana é bem parecida com uma perna de dinossauro, coloque um rabo e uma cabeça e tente ficar em pé na posição de um dinossauro.Não vai conseguir nunca, isso quer dizer que os dinossauros tinham a posição ereta, e a sustentação do corpo na perna e não no rabo.
A paleontologia precisa se atentar mais à anatomia humana do que na anatomia dos pássaros. Veja na imagem acima a posição da pélvis do dinossauro, se fosse do jeito que está na imagem o dinossauro cairia com a cabeça no chão! A posição correta de um dinossauro é de um hominídeo e não de um pássaro!

Com o tempo você vai notar que a pélvis dos dinossauros é muito encostada no rabo e que demonstra que ele é um bípede de posição ereta. O homem tem uma forma de rabo também no final da coluna e que com o tempo foi perdendo e desapareceu completamente. Mas a colocação da pélvis nos humanos sugere que o homem sempre foi um bípede. Essa idéia que o homem andava como macaco é bem ridícula, porque o chimapanzé tem os braços dianteiros maiores que a perna trazeira, isso é bem evidente quando o macaco necessita correr ele usa os braços como apoio. Quase todos os macacos tem os braços dianteiros maiores que a perna trazeira demonstrando que eles tem características de quadrúpedes e não de bípede. Ele usa os braços dianteiros como um apoio para correr e andar.
A pélvis dos dinossauros é bem parecida com a pélvis humana o que prova que os dinossauros andavam na posição ereta com a coluna verticalizada igual aos hominídeos.
Veja abaixo o esqueleto de uma galinha e uma imagem de um Archaeopteryx. A pélvis da galinha é mais para frente enquanto que a pélvis de um dinossauro é mais para traz. Nas aves e pássaros o osso da perna fica no meio entre a pélvis e o rabo, no dinossauro a pélvis fica logo depois do rabo.

Observe agora o pescoço das duas aves elas fazem a forma de um “S” quebrando a forma da coluna, enquanto nos dinossauros o “S” segue na direção da coluna, anatomicamente isso quer dizer que a coluna é verticalizada diferentemente das aves e dos pássaros! A coluna de um hominídeo, segue uma forma ondular bem parecida com os dinossauros, diferentemente de uma ave. O que eu quero dizer é que essa é uma evidência de que os dinossauros evoluíram para uma forma de postura vertical parecida com os hominídeos.
Os dinossauros nunca andaram nas posições acima, eu não acredito que a paleontologia não consiga perceber isso! Os paleontologistas acham que o rabo sustentaria o peso da cabeça, do pescoço e do peito?
Se você notar na imagem do T-rex, a parte da cabeça, do pescoço e do peito são mais pesadas que o rabo, qualquer pessoa com o mínimo de visão veria isso!Ele só poderia ficar nessa posição se ele nadasse como um jacaré! A água daria sustentação ao peito e a cabeça, o peito funcionaria como uma boia!
Existe a possibilidade de que os dinossauros nadavam, existem evidências que podem comprovar isso, e coloco as imagens abaixo. Não estou querendo dizer que o T-rex era nadador, mas para sustentar a posição que a paleontologia sustenta ele precisaria nadar! Não seria muito difícil de provar, pois existem as fotos que mostram que os dinossauros deixaram rastros quando entravam na água e até a posição ereta, sendo que o rabo aparece no rastro!

Rastros do rabo e patas de dinossauros entrando na água.

A representação de como seria as marcas no secimento.
Eu explicarei essa capacidade dos dinossauros para nadar e que fez parte de sua evolução no final do Cretaceos para a forma de pássaros!
Todas as posições dos dinossauros estão erradas, por causa do posicionamento da pélvis e da coluna. Para ficar na posição que a paleontologia estabeleceu ele teria que estar sempre correndo senão cairia no chão. Isso é física e nem comecei a falar sobre anatomia! Eles não ficavam presos por linhas ou por cabos de aço como em museus, eles eram vivos e sustentavam seu peso como um animal bípede de posição ereta. É simples de perceber essas características, não precisa ser um paleontologo.
Se você comparar os esqueletos de um dinossauro e de uma ave, eles não são compatíveis na estrutura. A pélvis dos pássaros fica exatamente no meio do corpo dependendo do tamanho, os dinossauros tem a pélvis mais para trás tirando o centro de sustentação, porque eles andavam na posição ereta.
O que quer dizer isso para a evolução dos dinossauros?
O homem só evoluiu quando parou a usar as mãos como patas (isso se o homem evoluiu do macaco) e andar com as duas pernas traseiras ( homo erectus), perceba que quando o homem evolui ele começa a andar na posição ereta, isso implica no uso da inteligência que é uma evidência no uso das ferramentas.

A imagem mostra bem essa característica e o uso de armas.

Pegadas de um hominídio e um dinossauro passeando pelo parque! Veja que as pegadas do dinossauro tem a mesma profundidade da pegada humana.

Os dinossauros também passaram por essa evolução, da posição de quadrúpede para bípede. Os primeiros dinossauros eram quadrúpedes com o tempo de evolução tornaram-se bípedes e evoluíram para a forma humanoide. Os paleontólogos em geral consideram os dinossauros como de inteligência primitiva, mas se você usar um pouco de lógica eles usavam técnicas de caça e de organização muito avançadas, também andavam em bandos, isso quer dizer que viviam em clãs sociais, bem parecido com a vida social dos Cro-Magnon.
Para os paleontólogps em geral os dinossauros não tinham inteligência, o que é bem ridículo de se imaginar, com um cérebro tão grande!
Os dinossauros tinham hábitos de cuidar de seus filhotes, isso é marcante entre eles, além de caçarem em conjunto os grandes animais. Se o homem existisse naquela época eles seriam vítimas dos dinossauros, pois a inteligência de predador de um dinossauro era muito mais avançada, os répteis de hoje também são muito violentos e caçadores vorazes, o homem só consegue sobreviver, porque ele limitou as áreas dos répteis em florestas e em rios. Se você comparar um homem com um réptil irá notar que o réptil é mais ágil e voraz, enquanto o homem é bípede e sabe correr!
Os dinossauros foram extintos, pelo menos os gigantes foram extintos.

A história dos répteis na Terra.
“Essa história é baseada nas placas sumerianas traduzidas por Zacharia Stitchin e também canalizações entre os Pleiadianos e os Terráqueos.Essa história foi contada por Anu, comandante de Nibiru através de canalizações.”

Há milhões de anos atrás a Terra era chamada e Tiamat, mas uma catástrofe atingiu Tiamat: um planeta chamado Marduk (Kingu, era o nome que os Sumerianos deram a lua) orbitava o sistema solar e chocou-se com Tiamat. ( Não existe nenhum candidato, então poderia ser Plutão o planeta Marduk) No choque parte de Tiamat foi destruído e formou o que hoje é o cinturão de asteroides, entre Jupiter e Marte.
Tiamat era um planeta habitado por reptilianos e *dragões que vieram de outro planeta para habitar e colonizar a Tiamat, mas eles eram muito violentos e guerreiros. Nibiru era uma nave-planeta que patrulhava a galáxia para preservar a paz, mas os reptilianos queriam destruir os humanos para manter seu mito de criação que dizia que eles eram donos de todos os planetas que pudessem conquistar.
Nibiru fez com que a órbita de Marduk se aproximasse de Tiamat, com a colisão destruir os reptilianos e *dragões, na colisão muitos dos reptilianos foram mortos e somente alguns sobreviveram.

Opa, esse é um dragão! O dragão de Komodo! Pensou que não existia? A diferença entre um dinossauro e um dragão é que os dinossauros não tem essa linguinha em forma de ípsilon!
*Você deve estar achando que eu sou louco de falar sobre os dragões, mas eles realmente existiram, o que acontece é que houve uma mistificação em torno dos dragões, e que também é um bloqueio mental do ser humano. Como funciona o bloqueio: você desde criança sabe que os dragões soltavam fogo pela boca e voavam, não é? Então, esse é o bloqueio, se pensar com mais cuidado e atenção, sem pensar nos bloqueios, você irá notar que eles são répteis também. Répteis existem e são reais o que não é real é o bloqueio mental: soltar fogo pela boca! Veja o dragão de Komodo é um bom exemplo de como seria um dragão! Um morcego é mamífero voador, ninguém imaginaria que um mamífero voasse, não é.
Os pterosauros eram répteis e voavam. O pinguim voa na água como se estivesse no ar. A galinha tem asas e não voa! Existem várias possibilidades que você nem imagina possam ser importantes, porque o bloqueio é muito ruim, ele impede você de ver a realidade.É claro que você não irá ver dragões voando, por aí, mas se os pterosauros voavam, porque um dragão não poderia voar?Qual seria o impedimento se temos mamíferos que botam ovos e répteis que voam?
Se o pteranodonte, chegava a medir 7,5m de envergadura e voava, porque um dragão não podia voar? Qual o impedimento, alguém inventou isso, não é verdade?

Pteranodonte grandinho para voar, não acham? Essa ciência nossa é muito interessante eles explicam que um dragão não pode existir e um Pteranodonte pode? Não queira entender!

A ciência está aprendendo como você e eu, eles não tem o conhecimento sobre tudo e todas as coisas. Veja a ciência já consegue fazer sapos flutuarem, pode conferir nesse vídeo sobre antigravidade:

Falta um pouco de pesquisas e mais imaginação que o universo é muito maior que imaginamos. As possibilidades são infinitas, o que estraga as pessoas é a ignorância!

Esse é um lagarto voador, ele usa as membranas como uma asa e pode planar devido ao seu peso e tamanho.Parece um dragãozinho pequeno!
De onde surgiu esse bloqueio?
Dos próprios homens, eles sempre odiaram os répteis e representavam eles como a personificação do diabo, do mesmo jeito que usaram a cobra na fábula de Adão e Eva. Escrevo: fábula, porque a história verdadeira não foi revelada ainda e é uma assunto para um próximo artigo. Veja que nas imagens de santos como São Jorge ou Santo Expedito eles usam os répteis como sinônimo da personificação do diabo. A igreja sempre criou esse tipo de bloqueio referente aos dragões como personificações do diabo, talvez isso criou o bloqueio, porque não existem razões para que eles não existissem. Nenhuma razão, porque sempre existiram pterossauros que voavam e sempre existiu répteis. Répiteis são dragões e pterossauros eram répteis, percebe como é um bloqueio? O fato de soltar fogo pela boca também pode ser explicado e é muito simples: quando você solta um “PUM”, se você colocar um isqueiro e acender, o pum pega fogo, porque o pum é gas metano (CH4), então concluimos que você solta fogo pelo bumbum diferente de um dragão que soltava pela boca!(piadinha) É a mesma coisa dragões exalavam gases como o metano (CH4) que é um gás altamente inflamavel. Isso poderia aconcetecer sim desde que nós também exalamos gases os animais também exalam gases, os gambás são exemplo disso, os dragões poderiam exalar gas metano (CH4), e poderia ser ativado por uma faísca ou fogo simplesmente, esse mito vem da idade média e idade antiga, dragões viviam dentro de cavernas e quando o “príncipe” entrava com a tocha o gas se tornava inflamável e explodia, essa poderia ser a explicação de como surgiu o mito do dragão soltando fogo, e não é nada do outro mundo, se nós soltamos fogo pela “bunda” também, essa é uma explicação para os céticos, não se ofenda!(rs…rs)
Hoje os homens adoram os dinossauros, porque será? Quem sabe é uma conscientização para o homem aceitar melhor os dinossauros ? Já pensou nisso?

Um dragão eternizado nas Pedras Ica!Os Incas também conhceram os dragões e soltavam fogo pela boca!

Destruído, Tiamat continuou vagando pela sua órbita como hoje, nós chamamos de Terra orbitando o sol, mas muitos reptilianos e dragões sobreviveram e continuaram evoluindo, mas em formas de quadrúpedes e eram bem pequenos, os répteis sempre foram de estatura baixa, eles cresceram para uma altura elevada entre o Jurássico e o Cretáceos. Nessa época houve uma mudança na Terra os continentes começaram a mudar de posição: Africa desprendeu-se da América do Sul.Todo o clima da Terra mudou, ficou mais quente devido a grande emissão de CO2 na atmosfera.
Os dinossauros nunca foram sempre gigantes isso aconteceu por causa de uma combinação de gases na atmosfera de Terra.Vários cientistas já conseguiram resultados surpreendentes sobre esse tema!
A elite Nibiruana resolveu intervir novamente em Tiamat para que depois da destruição voltasse a ser um planeta cheio de vida novamente e sem a presença dos reptilianos e dragões, que agora viviam dentro de cavernas e em subterrâneos.
Os Nibiruanos então resolveram aumentar a capacidade de evolução da Terra influenciando geneticamente o crescimento da flora para um crescimento mais rápido e assim poderiam criar um ecossistema favorável para a criação de um ambiente onde seriam criados geneticamente seres crísticos, que seriam influenciados a migrarem através da reencarnação para novos corpos, pelos seres Sirianos crísticos que viviam na Terra naquele momento e que vieram de outros planetas para experienciar a vida carnal. Esse foi o objetivo principal e levaria milhões de anos de evolução.
Quando os Nibiruanos voltaram para a Terra. ela já tinha florestas gigantescas e a vida florescendo normalmente. Os répteis eram uma forma normal na Terra e não havia diferenças genéticas entre os répteis que deram origem aos mamíferos. Foi então que os Felinos foram incumbidos de criarem uma forma diversificada a partir dos répteis que aqui viviam, foi dado aos répteis uma genética felina/humana que deram origem aos mamíferos.Todos os animais mamíferos tem uma genética humana/felina como: amamentar seus filhotes e nascendo através de uma placenta e não de um ovo. Vejam que isso explicaria a existência do ornitorrinco um mamífero que bota ovos!Um mamífero com características reptilianas.
Seres crísticos Sirianos reencarnaram em corpos mais evoluídos e assim sucessivamente e foram deixados de lado os répteis para evoluirem normalmente. Os Nibiruanos influenciaram o crescimento das plantas através de um tipo de gás na atmosfera, ao mesmo tempo que favoreceu as plantas e floras também foi responsável pelo aumento no tamanho dos dinossauros e outros animais, e que logo afetou os mamíferos e humanos que aqui viviam, como os homens gigantes, os Lemurianos. Alguns mamíferos também cresceram muito como as preguiças gigantes, veja a foto abaixo:

Só para constar e ajudar a entender: alguns cientistas conseguiram uma combinação de gases que compunham a composição da atmosférica no Jurássico e Cretáceos e descobriram que esses gases podem ter influenciado a altura exagerada dos dinossauros e dos mamíferos, o que explicaria a intervenção dos Anunnakis/nibiruanos.
Com isso alguns seres crísticos que foram evoluindo na Terra, eram perseguidos pelos dinossauros e répteis, impedindo a evolução da humanidade. Somente depois que todos os dinossauros foram extintos é que a humanidade conseguiu evoluir. Essa história é contada nas pedras Ica encontradas em tumbas Incas.
Essa é apenas uma parte da história, porque os Lemurianos, os Atlantes, os Yus já estavam na Terra junto com os répteis e os dinossauros. Remanescentes dessas civilizações criaram os Incas e os Maias. Houve uma guerra que durou muitos anos contra os dinossauros, até que as civilizações resolveram unirem-se para decretar o fim dos dinossauros! As reuniões eram fervorosas, porque para destruir os dinossauros muitos humanos morreriam também e foi argumentado que seria a única solução: uma tragédia que destruiria todas as formas de vida na superfície.

De acordo com as pedras de Ica encontradas nas tumbas Incas, a destruição dos dinossauros foi totalmente através da caça aos dinossauros e da queda de um asteróide. A solução seria uma catástrofe de proporções mundiais, foi então que Nibiru entrou novamente na história. Com a aproximação de Nibiru a Terra foi inundada por um dilúvio que durou anos e assim exterminou os dinossauros.
Existem duas explicações que eu descobri lendo várias canalizações e imaginando algumas situações. Os Atlantes tinham uma arma que usava uma tecnologia Anunnaki, era um cristal que emitia um poderoso raio de luz, e seria um raio trator, apontado para um asteróide ela seria capaz de atrair o asteróide em direação da Terra e poderia-se apontá-lo em qualquer direção. Com essa ideia em mente eu imaginei que os Atlantes poderiam usar a arma para extinguir de vez os dinossauros. Isso poderia explicar que a arama Atlante foi capaz de destruir alguns dinossauros gigantes que eram o terror nessa época. Toda essa história aconteceu antes do dilúvio.
Se um asteroide caiu na Terra e se foi em Yucatã, você imagina que a Tsunami deve ter atingido uma altura gigantesca e que pode também ser uma explicação do dilúvio. Eu sei, mas as datas do dilúvio e com a queda do asteróide não combinam, mas eu tenho também várias evidências que podem mostrar que as datações de carbono 14 estão erradas. É, as datas estão acima das espectativas dos cientistas. Esse erro é muito simples de demonstrar.

Esse é o local exato da queda do asteroide que extinguiu os dinossauros.

O dilúvio é uma evidência em todas as canalizações dos Pleiadianos e que aconteceu realmente, não por causa da aproximação de Nibiru, mas porque os Atlantes criaram uma arma tão poderosa que atraiu um asteróide e caiu na Terra afundando a Atlântida e muitas cidades do planeta. Imagine a Tsunami que aconteceria caso um asteroide caisse na Terra, precisamente em Yucatã? Os paleontólogos não falam que uma Tsunami ocorreu naquela época da queda do asteroide e quando falam não explicam que houve uma elevação dos oceanos nunca vista em todo o mundo, como prova eu coloco os dados que os próprios cientistas fizeram sobre o aumento do nível dos oceanos no Cretaceos, que é a mesma coisa que um dilúvio! Aumento do nível dos oceanos é o mesmo que dilúvio!Veja abaixo um diagrama do nível dos oceanos feitos pelos próprios cientistas, que parece dizer, sim o dilúvio aconteceu!!!
Veja a ciência rejeita o dilúvio bíblico, mas usa o o aumento do nível do mar no cretáceos?
É claro que os paleontólogos diriam que essa elevação aconteceu durante 100 milhões de anos e que o dilúvio aconteceu em 1 ano aproximadamente.

Essas ondas em azul é a mudança do nível do mar durante as eras desde 500 milhões de anos atrás. Eu só coloquei o pico do que seria o dilúvio para mostrar a altura que o mar chegou no cretáceo. A linha vermelha mostra o nível do mar hoje em dia, está bem abaixo, imagine a altura que o oceano chegou no cretáceo, acho que eles acham que conseguem enganar todo mundo!
Você pode estar pensando que o dilúvio da bíblia aconteceu há mais ou menos 5.125 anos atrás exatamente na marca quando os Maias fundaram sua civilização, isto é em 3.113 A.C! Mas as datas não batem?! Então, essa história eu vou contar em meu próximo artigo que trata das evidências do dilúvio bíblico. Todos sabem que a Bíblia cristã foi baseada nos livros Sumérios, nas placas que Zecharia Sitchin traduziu, existem vários livros que contam essa história e um deles é o “Livro de Noé”, bem como vários outros livros. A Bíblia foi escrita contando muitas histórias que foram escritas pelos Sumérios. Veja que interessante, os Sumérios ajudaram a escrever a Bíblia! Ninguém escreve sobre isso e ninguém diz nada a você, não é?
No próximo artigo eu vou tratar do assunto que é um terror para os cientistas! Eles até tremem quando falamos sobre o dilúvio, e chamam-nos de ignorantes, porque não temos bases científicas, pelo contrário eu estudei muito para estar escrevendo sobre isso, eu escrevi várias teorias e hipóteses sobre isso e agora me sinto pronto para usar meus conhecimentos. Eu fui treinado durante 10 anos de minha vida, deixei minha mulher quase louca de tanto contar as coisas que descobria, mas valeu a pena e hoje tenho consciência tranquila que estou pisando em chão firme. Você pode perceber que eu escrevo e uso vários dados de cientistas, eu não escrevo o que eu não estudei, tenho até medo de escrever alguma coisa que não esteja correto ou que não tenha algum erro cometido pela ciência.
No próximo artigo que será sobre o dilúvio irei mostrar que a ciência pode estar completamente errada sobre as datas de eventos na Terra, não perca!

Agora a parte mais legal: por que somente os dinossauros foram extintos, e não os répteis menores, mamíferos, sapos, cobras, jacaré, etc?
Porque a minoria ou alguns dos dinossauros não sabiam nadar! Note uma coincidência muito interessante, que quase todos os animais que sobreviveram sabem nadar. O jacaré, o sapo, as cobras e os animais que não nadam voam e vivem sobre as árvores. Muitas das terras foram tomadas pela água que subiu misteriosamente no fim do cretáceos, muitos animais foram mortos porque precisavam de terra seca, a falta de terra seca impediu a ploriferação de alguns dinossauros e tornou a vida dos mamíferos mais fácil logo após o KT.(ponto de extinção dos dinossauros)
As pedras Ica também informam que os dinossauros foram extintos por um asteroide que caiu na Terra e também a paleontologia está de acordo com isso, mas a queda não explica porque só os dinossauros foram extintos. Extintos? Não, eles nunca foram extintos, eles evoluíram para aves e pássaros! Os grandes dinossauros foram extintos e os pequenos evoluíram para os pássaros. É muito simples explicar não precisa de anos de faculdade e muitas pesquisas, isso é uma evidência!!! Nem precisa usar a queda de um asteróide como um assassino solitário!

Placas tectônicas nas pedras Ica.

Separação dos continentes nas pedras Ica, Incas já conheciam as placas tectônicas.

Eu escrevi acima que os dinossauros não sabiam nadar e foram extintos, sim, alguns dinossauros gigantes não conseguiam ficar na água, porque eram grandes e eram alvos fáceis de pequenos predadores que caçavam em bandos, então ficavam em Terra firme, mas também sabiam nadar. Os pequenos e ágeis viviam na água e em terra. Se usarmos a lógica, os dinossauros nadavam e andavam, mas nadar era mais comum, porque grande parte da Terra estava alagada devido ao dilúvio(a palavra “dilúvio” também traz muitos bloqueios mentais.
Quando falamos ou escrevemos sobre o dilúvio as pessoas já imaginam que eu sou uma pastor ou um crente, mas isso é uma ignorância tremenda, e vou explicar o porquê:os oceanos nunca estiveram nos níveis de hoje, ele subiu e desceu durante vários milhões de anos, na verdade a palavra dilúvio está associada ao fato que na bíblia cristã, o mar chegou na altura das montanhas o que seria impossível acontecer, porque não haveria água suficiente para elevar-se até o monte Ararat. Para a ciência não seria possível a água subir até a altura do monte Ararat e depois descer aos níveis de hoje, mas se você usar sua cabecinha, irá notar que os oceanos subiram muito no cretáceos e em uma altura razoável e que estaria compatível com a altura que a água chegou no dilúvio.Veja a imagem abaixo e confirme:

Existe um truque de mágica como a água chegou até aquela altura e depois abaixou? Esse é o bloqueio mental! Mas isso acontece porque a ciência não consegue explicar alguns fenômenos cósmicos e astronômicos, e também não usam a mente para imaginar só usam dados no qual podem interpretar, se os dados estiverem errados todos estariam errados também, a ciência anda bem lentamente, mas o tempo anda muito mais rápido e as teorias caducam!
Observe novamente o gráfico, e veja que o nível do mar subiu e desceu de uma forma abrupta entre o Jurássico e o Cretáceo, nas eras anteriores o nivel subiu e desceu gradualmente. No período do carbonífero subiu muito rápido também isso demonstra que tivemos dois dilúvios na Terra. Um que suabiu e desceu gradualmente e outro que subiu muito e desceu muito também, veja que no terciário o nível desceu, isso quer dizer que hoje estamos com o nível normal. No Cretáceo o nível subiu e desceu muito em apenas 100 milhões de anos!Então imagine se o nível do mar subisse na altura que estava no Cretáceo seria um dilúvio, não é? Todos os seres humanos morreriam!O que acontece é que a subida levou 50 milhões de anos e a descida em outros 50 milhões de anos. O dilúvio aconteceu em apenas 1 ano, de acordo com pesquisadores durou 374 dias!(vou deixar para explicar no próximo artigo, é que são artigos extensos e complexos) Com esse diagrama eu só quero demonstrar que é possível acontecer o dilúvio: que significa uma grande inundação! Não perca o próximo artigo sobre as evidências do dilúvio, e que conterão muitas informações para explicar esse fenômeno.

Nadar é para peixes, porque eles não tinham excelentes nadadeiras, mas tinham duas asas para voar na água como os pinguins, então os dinossauros evoluíram ficaram menores para voar e se tornarem pássaros e aves!! Bater as asas na água é que ajudou os dinossauros a evoluirem para o voo no ar, porque as asas pequeninas podiam tornarssem nadadeiras eficientes. (Você entendeu agora o porquê dos bracinhos tão pequenos?) Veja que os pinguins usam as asas para nadar e algumas aves também, isso demonstra que as asas dos dinossauros eram usadas para nadar e não voar!!!! O voo só aconteceu quando os dinossauros ficaram menores do tamanho de galinhas! Veja que as galinhas não conseguem voar porque são mais pesadas devido ao seu corpo grande sem dinâmica para o voo. Os pássaros e as aves tem o peito menor e mais propício para voar e importante para a dinâmica de voo.A asa de um pássaro é maior do que seu tamanho, essa capacidade ajudam-nas a voarem por mais tempo.
Acredito que o T-rex era assim, podia nadar e andar em terra firme, mas não era sua melhor atividade, talvez usasse seu peito cheio de ar como um barco e podia atravessar de uma margem a outra de um rio e até mergulhar o que muitos paleontólgos nem imaginam!(rs..rs). Muitos dinossauros morreram nas inundações do dilúvio e os que sobreviveram continaram sua evolução para os pássaros.Você pode estar pensando, mas isso foi há milhões de anos atrás antes do dilúvio de Noé, isso acontece porque a ciência usa um método falho para a datação dos fósseis e pretendo demonstrar essas evidências no meu artigo sobre o dilúvio verdadeiro e como aconteceu! (É realmente bem interessante)Eu posso explicar para entender melhor sobre esse fato, mas vou adiantar alguma coisa, existem evidências e dados, que as linguas começaram logo após o dilúvio 3.000 A.C, as sequóias árvores gigantes e milenárias, só cresceram a partir de 3200 A.C, a mais antiga civilização na Terra é de 3.113 A.C, essas são só algumas, mas eu vou colocar mais evidências.
Na verdade eles foram extintos, os gigantes carniceiros em mais ou menos 10.000 anos atrás e os primeiros homens que dariam origem aos Incas e Maias chegaram a vê-los e foram caçados até o fim de todos, na américa do sul e essa seria a origem das pedras Ica, é claro que são suposições ainda, porque não sei se essas pedras são reais, se forem reais, elas estão de acordo com as canalizações dos Pleiadianos, e as histórias dos Sumérios e Incas!

Essa foto prova que as pedras Ica são verdadeiras, uma múmia Inca e do seu lado uma pedra de Ica.
Os pterossauros tornaram-se as aves do mar, como os flamingos e pelicanos, com dietas de peixe. Os outros dinossauros tornaram-se aves e passaros com hábitos herbívoros e carnívoros, como os dinossauros de bico de pato e de bicos de papagaio:Ceratopsia. Os dinossauros como os Apatossauros evoluíram para as tartarugas!É muito difícil as pessoas perceberem essas coisas, porque não há nenhuma evidência, e pesem por um instante, há 100 anos ninguém sabia da existência de um T-rex!
As evidências do “dilúvio” que evoluiu os dinossauros são muitas e bem mais simples de explicar, muito fácil, é só usar um pouco do cérebro, eu odeio usar a palavra “dilúvio”, porque ela traz muitos bloqueios e torna a palavra mística cheia de irrealidade, mas para minimizar eu irei usar elevação dos oceanos:
Os dinossauros são encontrados em um tipo de sedimento característico de sua época, sedimentos com grande quantidade de CO2 e calcário e que hoje são usadas para produzir o cimento que é através da queima do sedimento das pedras do cretáceo.
O sedimento vira pedra por causa do CO2, que desce nas gotas de chuva ácida e que quando cai na terra, mistura-se com a lama, que é água e qualquer tipo de terra fazendo a sedimentação e endurecendo. Uma característica do CO2 é que ele forma o calcário, carbonato de cálcio, ele aumenta a resistência das conchas e da foramininfera marinhas! Veja a associação com as águas do oceano. Sem água e lama não há fossilização ou pelo menos é mais difícil.
A fossilização se dá porque, o fóssil é coberto por água, a água preserva o fóssil, e mais e mais camadas de lama cobrem o fóssil. Depois de coberto pelas camadas de lamas, a água que contém CO2, que caíram com a chuva, criam o sedimento que hoje nós encontramos os dinossauros.
Sem a chuva ácida(chuva com CO2), não é possível haver a fossilização, porque o sedimento precisa do CO2 para endurecer e formar a camada de sedimento necessário para a preservação do fóssil.
Sem a lama não há fósseis! E sem grandes quantidades de inundações não seria possível a fossilização do dinossauro que ali morreu. (Essa é a evidência acredite se quiser!)
Todos os fósseis estão ligados a sedimentação da lama, isso quer dizer que, os dinossauros morreram com inundações e em locais que foram inundados por grandes quantidades de água e sobreposições de camadas de lama.
Você deve estar se perguntando: então se foi assim que aconteceu, por que não há muitas evidências de dinossauros após o K-T( extinção dos dinossauros), essa é mais fácil ainda de explicar! Eu expliquei acima que o CO2 é o gas responsável pela sedimentação do Cretaceo, então toda a quantidade de CO2 liberado para a atmosfera durante o Jurássico, principalmente pela grande separação dos continentes, caiu em forma de chuva ácida durante o cretáceo, sendo a maior absorvição do CO2 na forma de carbonaceos ooze(corais e foraminifera) e que formam a matéria prima (as pedras calcário) dos fósseis dos Creataceos. Se toda a quantidade de de CO2 foi captadada pelos oceanos é claro que haveria muito menos fossilização, logo após o final do Cretaceo, isso pode explicar que o sedimentação foi muito mais difícil e assim teremos muito menos fósseis preservados. E que os dinossauros evoluíram para as aves e pássaros e foram extintos os dinossauros gigantes. A falta de fósseis indica que a quantidade de CO2 na atmosfera diminuiu fortemente, com isso dificultou a sedimentação e assim dificultou também a qualidade dos fósseis e sua preservação. CO2 e carbonaceos estão intimamente ligados na produção de fósseis, somente com a grande quantidade de CO2 e carbonaceos é que é possível haver preservação de fósseis, porque os carbonaceos funcionam como uma capa para a preservação, sem essa capa o fóssil desaparece.
Você viu como é fácil de explicar usando o “dilúvio”, opa, esqueci: elevação dos oceanos!.
“Não percam as estribeiras, eu tenho várias explicações e evidências para o dilúvio e que podem fazer você mudar de idéia sobre ele. Evidências estonteantes! Até explicar de onde veio a água que os céticos do dilúvio argumentam não existiu, meu próximo artigo será sobre a elevação dos oceanos, a segunda transição planetária! A primeira foi a destruição de Tiamat!”
Muitos dos humanos que viviam na superfície mudaram suas habitações para cidades intraterrenas antes do dilúvio, como os Lemurianos, os Yus, os Atlantes e os *répteis.
*Você tinha achado que eles haviam sido extintos?
Greys e reptilianos.

Veja essa imagem que um paleontólogo imaginou se os dinossauros evoluíssem para uma forma humanoide. Eles teriam a aparência dos extraterrenos chamados por nós de: Greys. É uma estranhíssima coincidência, não é? Mas é bem possível que aconteceu isso mesmo!
Nenhum cientista teria coragem de afirmar que os dinossauros evoluiriam para a forma de um Grey, eles morrem de medo! Eles não querem enfrentar problemas com a teoria das espécies de Darwin, eles preferem deixar isso para as pessoas como eu, mas a verdade é que os dinossauros realmente evoluíram para a forma extraterrena dos Greys ou lizzies, chamados carinhosamente pelos Pleaidianos. Não é piada, mas os dinossauros não foram extintos no K-T eles evoluíram e estão viajando pelas estrelas ou estaõ vivendo nas terras intraterrenas. Ninguém pode afirmar com certeza que os dinossauros foram extintos completamente, mas se realmente encontrassem uma ligação com os Greys o que seria da paleontologia? Você acredita que se o homem evoluiu do macaco em 250 mil anos, por que os dinossauros não evoluiriam em 65 milhões de anos para uma forma homanóide? Pergunte ao seu paleontólogo favorito!
As pedras Ica ( leia meu artigo:Incas conviveram com os dinossauros!), são uma evidência de que os dinossauros não foram extintos na extinção K-T, e que provavelmente alguns continuaram evoluindo e outros extinguiram-se por completo.
Desde que comecei a estudar os extraterrenos, eu percebi a preocupação dos Greys com a Terra e sua semelhança com os dinossauros. Há um sentimento de domínio dos Greys sobre nós humanos e a vontade de interferir geneticamente sobre nós. Há um tempo atrás eu acreditava que os Greys pudessem ser de outro planeta, mas com o tempo eu fui imaginando algumas possibilidades que podem parecer estranhas no começo, mas se você pensar bem, vai perceber que podem ser verdade.
Principalmente a atitude dos militares americanos com eles, achei muito estranho essas ligações:
Os militares americanos parecem subservientes a eles.
Os Greys controlam bases americanas.
Os Greys fizeram negociações com os Militares.
Eles estão interessados em engenharia genética.
Avistamentos por todos os EUA.
Há muitos abduzidos nos EUA e quase todos abusados sexualmente e implantados.
Greys dizem influenciaram as religiões na Terra.
Greys dizem ter imagens em vídeo da crucificação de Jesus e outras imagens que provam que eles influenciaram outras civilizações.
Greys influenciaram a segunda guerra mundial.
Greys influenciaram as imagens que são divulgadas pela internet e também no Cinema com os filmes “Contatos Imediatos de terceiro grau” e “ET”.
Os dinossauros foram eternizados no cinema desde muitos anos atrás e se tornaram vedetes de grandes bilheterias, agora a criançada adora um boneco de dinossauro.
Até parece que os Greys ganharam uma guerra contra os EUA e dominaram todo o país. Aí caiu a ficha! Perguntei a mim mesmo: por quê os Greys estão trabalhando com os americanos? Simplesmente, porque eles sempre foram donos da Terra desde milhões de anos atrás. Eles sempre dominaram a Terra, sempre!
Se um dia encontrássemos um espécime específico de um dinossauro hominídeo, realmente desmoronaria a ciência e a teoria de extinção cairia por terra e muitas verdades apareceriam. Por isso que a verdade não vem à tona!
Quando uma espécie desaparece a primeira explicação que vem em nossa mente é que a espécie foi extinta e se não achamos novos fósseis então pode-se afirmar que eles foram extintos. Uma outra situação é que houve uma evolução da espécie e os fósseis transformaram-se em outras espécies mais evoluídas, então houve uma evolução e não houve extinção.
Muitos dirão e onde estão os espécimes que sobreviveram ao K-T?
É muito simples novamente é só usar um pouco de cérebro:
Quando o dilúvio aconteceu, as inundações diminuíram e com isso a quantidade de chuva diminuiu, isso quer dizer que houve pouca sedimentação com CO2, porque todo o CO2 contido na atmosfera se precipitou nas chuvas do dilúvio. O resultado foi o seguinte: as lamas que poderiam guardar CO2 já não tinham mais compactação necessária para preservar os ossos, por causa da baixa quantidade de CO2, sendo assim os sedimentos são pobres para tornarem-se duros o suficiente, então os ossos não suportam a deteriorização e fica difícil encontrá-los. Até mesmo de animais mais modernos.
Apenas em locais secos é que podem guardar pedaços de ossos e em camadas bem pobres em CO2.
Outro detalhe que passa despercebido pela maioria dos paleontólogos é que os dinossauros não foram extintos, eles sofreram evoluções e tornaram-se aves e passaros, que escondem as mudanças, mas todos sabemos que eles são dinossauros! Então não foram extintos!!!!Evolução não é extinção!
Eu editei duas imagens sobre a evolução dos dinossauros para as aves.

Essa imagem eu editei e criei o que seria os dinossauros que ficaram gigantes e os dinossauros que deram origem aos pássaros e aves, veja que os dinossauros pequenos evoluem para pássaros, e os gigantes são extintos!

Essa imagem eu não editei e é mais ou menos o que os paleontólogos imaginam.
Nas duas imagens não dá para perceber se você olhar com atenção os dinossauros quando cresceram eles mantiveram as asas, mas em uma forma reduzida, enquanto os pequenos e de estatura de um humanóide tem os braços longos e com 3 dedos. Veja que os dinossauros pípedes com 3 dedos não evoluem para os pássaros eles foram extintos, evoluíram ou sumiram?Eu acredito que eles ainda estão vivendo na Terra, mas nas terras intraterrenas!
A maioria dos paleontólogos acham que os dinossauros evoluíram para os pássaros e aves. Eu acredito nessa hipótese, mas nem todos evoluíram alguns simplesmente sumiram na extinção K-T. Essa suposição me deixou intrigado e comecei a pensar e imaginar situações das mais diversas. Não acredito que um T-rex evoluiu para um hominídeo, mas espécies menores como a do Troodonte, que tem estatura quase humana e cérebro bem grande.
A paleontologia usa a falta de fóssil como explicação da extinção, mas os dinossauros poderiam ter evoluído! Pense um pouquinho: se os dinossauros evoluíram para uma forma humanoide eles estariam mais avançados do que o ser humano! Porque a evolução dos dinossauros começou exatamente na extinção K-T há 65 milhões de anos atrás e o homem só começou sua evolução há 250 mil anos!
Você pode perceber que as datas parecem estranhas quando os Incas existiram era mais ou menos 6.000 anos atrás e as datas dos paleontólogos estimam que os dinossauros viveram há 65 milhões de anos atrás, mas não se desespere que essas datações estão erradas, principalmente a de que os dinossauros foram extintos há 65 milhões de anos atrás e será o motivo de meu próximo artigo!
Precisariam de menos do que 65 milhões de anos, usando a evolução do homem que precisou somente de 250 mil anos para evoluir ao homem moderno, os dinossauros evoluiriam em mais ou menos 400 mil anos então, sobrariam 64 milhões e 600 mil para evoluir e até construírem discos voadores! Se nós humanos já possuímos aviões foguetes até agora, imaginem eles com 65 milhões de anos para evoluir tecnologicamente! Pense bem, não é lógica essa idéia?
Se eu dissesse que os dinossauros criaram o ser humano, você iria dar risada, mas não é difícil de imaginar, sendo que os dinossauros tiveram 65 milhões de anos na frente do ser humano. Bom, aí pense bem, os Greys adoram engenharia genética eles são criadores, então, por que não criar os homens, assim poderiam brincar de deuses, não é? Acho que foi assim que aconteceu. Você pode me perguntar se eles existem porque não aparecem?
Claro, que apareceram, eles estão em todos os lugares, todos nós já sabemos deles, apenas alguns céticos é que não acreditam ou será que são reptilianos disfarçados ( piadinha!), talvez a metade não acredite e outra metade acredite, pelo menos 50% sabe da existência dos Greys.
Agora imaginem a situação, eu escrevo muito sobre os Anunnakis e sei que os Anunnakis são extraterrenos e possuem um crânio alongado, mas já pensou que os crânios podem ser crânios de Greys? Pode ser, porque os crânios são alongados como na imagem do dinossauróide.
Antes de começar a escrever eu tinha uma ideia fixa que os dinossauros não haviam sido extintos 65 milhões de anos, não acreditava nessa ideia, achava que poderia haver um erro em algum lugar na história. Agora eu acredito que os gigantes foram extintos, mas os pequenos de altura mediana não foram e continuaram sua evolução até as aves e pássaros e alguns podem ter evoluído para a forma dos Greys ou dos intraterrenos reptilianos.
Quando eu vejo uma imagem de um extraterrestre Grey me vem a imagem dos dinossauros, é intuição, mas os dinossauros foram realmente antepassados deles e através de engenharia genética evoluíram. Eu usei várias hipóteses para imaginar a necessidade de que os dinossauros saíssem da Terra para outros planetas.
A maioria não acredita na possibilidade de que os dinossauros são nossos ancestrais, porque não imaginam que os dinossauros tiveram 100 milhões de anos em evolução enquanto o homem teve 250 mil anos! Essa é a pergunta: por que só o homem evoluiu mentalmente e os dinossauros não evoluíram sendo que tiveram mais tempo para evoluir?

Através de intuição e um pouco de imaginação eu criei uma concepção de como eles evoluíram:
Logo após o evento que culminou a extinção K-T, já haviam alguns dinossauros evoluídos para a forma humanoide devido ao seu grande cérebro, eles criaram comunidades humanoides, muito superiores e com tecnologia avançada talvez que foram usadas muito tempo depois por outras civilizações, criaram uma tecnologia dinossauroide. Mas o clima esfriou, porque logo após o evento K-T quando a idade do gelo começou esfriou muito para que os dinossauroides vivessem então procuraram as profundezas da Terra que era mais quente e poderiam suportar melhor o calor. Por isso os dinossauroides não foram mais encontrados na superfície, os dinossauroides evoluíram tecnologicamente para níveis muito avançados, dominaram a força eletromagnética e antigravidade, ganharam inteligência bem superiores ao ser humano e fundaram algumas cidades intraterrenas e com o tempo viajaram para fora da Terra em busca de novos planetas e hoje são conhecidos como: Greys.

Acredito que poderemos encontrar cidades intraterrenas com os remanescentes dos dinossauros e no futuro quem sabe eles se revelem. Mas acredito que isso não seja possível, porque os reptilianos são diferentemente dos humanos uma raça negativa, não possuem emoções e são altamente dominadores, como persona non grata. Eles não querem manter contatos com o ser humano, eles não querem que nós tenhamos evoluções como eles para que sejamos primitivos e fáceis de controle.
Os Greys sempre dominaram a Terra e sempre mantinham-na sobre controle.

Como criar controles? Através do medo, criaram religiões, guerras, insegurança e formas de controles através da hierarquia, oligarquias, fascismo e todo tipo controles sociais, só assim poderiam controlar a população. Desde a antiguidade eles influenciaram todas as mídias e formas de controles. Foram eles que influenciaram todas as civilizações.

Veja que os militares se assemelham com eles em se tratando de dominação e selvageria.
Acredito que não são Anunnakis, mas eles estariam em um tipo de guerra para o domínio da Terra. Os Greys estariam na Terra e em outro planeta parecido com a Terra, mas com maior gravidade e maior pressão atmosférica e com um tipo de efeito estufa. Os Anunnakis são mais antigos do que os Greys eles vivem no planeta/nave Nibiru.

Quando os Anunnakis saíram da Terra, os Greys voltaram e tentaram dominá-la novamente e continuam até agora. Os pleiadianos chamam eles de Lizzys, um apelido carinhoso, pois são descendentes deles também. Lizzy é o diminutivo de lazard (lagarto). Mas eles não são maus, eles são criadores. Eles tem o dom da criação através da engenharia genética. Em mensagens canalizadas, dizem que a prova definitiva sobre os Greys (lizzys) virá em breve quando os paleontólogos descobrirem uma cidade na Antártida, com vários fósseis e com tecnologia extraterrena e muito avançada. (Não pense que irá ver na televisão!)
Eles se apresentaram como extraterrenos e não mais deuses porque o ser humano não é mais tão inocente como no passado. Hoje eles se apresentam como Greys com uma certa autoridade extraterrena, mas acredito que por pouco tempo, pois outros extraterrenos estão chegando para acabar com os bloqueios Greys. No passado eram os deuses vindo do espaço, não só eles mas também os Anunnakis. Os Greys usaram vários jeitos de manterem-se anônimos para os terráqueos, usaram nomes e seitas secretas e até uma ordem mundial, mas sempre anônimos.
Será que a partir de 2012 tudo isso será revelado?
Não sei, continuo pensando sobre mais possibilidades.

Fonte:https://contatoalienigena.blogspot.com/2011/08/extraterrenos-greys-ou-reptilianos.html

Facebook Comments