9 maneiras pelas quais atraímos a pobreza para nossas vidas

9 maneiras pelas quais atraímos a pobreza para nossas vidas

Maneiras pelas quais atraímos

 

A verdadeira pobreza é aquela que carregamos em nossas mentes, onde abrigamos limitações e promovemos a escassez em nossas vidas.

Prosperidade, que pode ser associada a tudo o que queremos que possamos medir na ausência ou presença, ou em quantidades, por exemplo:

recursos econômicos, amor, saúde, amigos …

enfim … pobreza e A riqueza pode ser aplicada a qualquer coisa a que damos valor.

A pobreza começa e termina em nossas mentes, temos vários mecanismos para afastá-la de nossas vidas, mas também maneiras de atraí-la e mantê-la, aqui apresentamos algumas dessas formas, as quais, como introdução, recomendamos que você descarte de sua vida:

Estabeleça limitações em suas habilidades: uma coisa é reconhecer que não temos certos recursos em um determinado momento e outra é nos convencer de que não somos capazes de realizar uma determinada ação.

Adquiriremos o necessário e o mais importante será convencer-nos de que, se pudermos, mesmo sem entender bem como chegaremos ao destino desejado, é uma prioridade alimentar-nos que temos capacidade para fazê-lo.

Cerque-se de pessoas que apenas prejudicam nossas vidas: algumas pessoas têm uma arte especial para nos decapitalizar, roubar nossa energia, semear o desespero e representar apenas um a menos. Na medida do possível,

devemos pelo menos evitar o alcance dessas pessoas em nossas vidas e, pelo contrário, tentar nos cercar de pessoas que nos trazem coisas positivas, que nos incentivam e confiam em nós.

Ser excessivamente econômico:

planejar e economizar geralmente são recursos que nos ajudarão a alcançar muitas coisas que queremos.

No entanto, uma mentalidade extremamente econômica nos encherá da idéia de escassez, que nos diz que é útil economizar agora, porque você não

sabe se amanhã terá a oportunidade de fazê-lo e, dessa forma, duvidamos do que podemos receber no futuro.

Ser excessivamente desgastante: ambos os extremos nos prejudicam, quando não controlamos nossas despesas, principalmente em relação à

renda, podemos nos encontrar em um déficit que nos custa trabalhar para resolver.

Dedicar-nos ao que não gostamos: se dedicarmos nossas energias ao que não gostamos, a magia não virá.

A riqueza da prosperidade é ativada quando fazemos o que amamos, quando nosso tempo é investido no que alimenta nossa alma, por isso não

importa se a riqueza anda de mãos dadas, nossa alma se sente cheia e a partir desse ponto tudo assume dimensões associadas a prosperidade

Não dê ou compartilhe:

quando somos maus, quando queremos tudo para nós mesmos, sem compartilhar nada que seja importante para nós, não experimentamos o

maravilhoso efeito que a doação tem sobre nós, que não apenas produz um prazer único, mas também através do qual semeamos. no universo, o que nos faz receber muito mais do que dado.

No entanto, não devemos pensar nisso como um negócio, devemos aprender a dar e compartilhar com o coração, porque o universo sempre percebe as verdadeiras intenções e, dependendo delas, nos devolve, para o bem ou para o mal.

Espere que alguém que não seja você “resolva sua vida”:

lá você está decretando sua incapacidade de se defender e se acostumará a depender de qualquer outra pessoa para conseguir o que deseja e a partir daí você atrairá apenas relacionamentos de dependência para sua vida.

Somente você deve estar encarregado de conseguir o que deseja com seus próprios recursos, que são infinitos; basta convencer-se disso.

Pense pequeno: quando você tem apenas pequenos sonhos, quando se acostuma a se conformar, nessa medida, se acostuma a criar.

Não há problema nisso, se esse tamanho é a sua aspiração, mas lembre-se de que, apesar de realmente não precisar de nada, você pode ter na vida tudo o que quiser.

Concentre-se no material: muitas vezes vinculamos felicidade e tranquilidade aos zeros de uma conta, aos ativos etc.

E corremos o risco de desvalorizar o que realmente define riqueza, que, embora possa ser variável e relativa para todos, aqueles que realmente

sentem isso não são precisamente os mais ricos, mas aqueles que se sentem mais cheios, aquele que sai do coração e não de Dividendos de ações.

Concentre-se no que deseja e comece a criar a vida que deseja.

Por: Sara Espejo – Rincon del Tibet

GOSTARIA DE SABER SEU MAPA ASTRAL COMPLETO, COM MISSÃO DE ALMA?

ACESSE AQUI

 

 

Meditação para a vida cotidiana

A meditação é um processo que permite que você está a reformar sua mente. Você pode orientar a sua mente e corpo para relaxamento; reformar o seu pensamento, etc.

ACESSE

Facebook Comments